História

O Grupo SustentaX iniciou suas atividades em 1996 com a criação da empresa Ally Brasil e a seguir com a NewmarEnergia. Em 1998, a NewmarEnergia torna-se pioneira na área de geração de energia remota ao introduzir, em poços de petróleo na Amazônia e em gasodutos, a geração de energia à base de termogeradores.

Em 2001, a NewmarEnergia projetou, comissionou, implantou e operou a primeira central de energia em horário de ponta a gás natural do Brasil, no Hotel Renaissance, em São Paulo, tornando-se a seguir uma empresa especializada em Gestão Energética Integrada.

Em 2004, um novo desafio foi realizado por meio da concepção em B.O.T. (Built Operate and Transfer) da, até então, maior central a gás natural para operação em horário de ponta, a pedido e emergência, localizada no Centro Empresarial Nações Unidas em São Paulo.

Em 2006, a Ally Brasil entrou na área de sustentabilidade de edificações, alterando seu nome para SustentaX. A empresa se especializou em Certificação de Sustentabilidade de Empreendimentos iniciando trabalho pioneiro junto ao ABN AMRO Banco Real.

Em 2007, a agência Granja Viana recebeu a certificação LEED-NC (Novas Construções) nível Prata, tornando-se a primeira edificação com projeto de sustentabilidade certificado na América do Sul. No mesmo ano, a SustentaX pré-certificou o primeiro empreendimento residencial na América do Sul, o Ecolife Independência em São Paulo e, posteriormente, o Ecolife Freguesia no Rio de Janeiro.

Ainda no segundo semestre de 2007, foi criada a divisão PSSE - Projetos de Sustentabilidade Social Empresarial, para trabalhar na minimização de riscos sociais corporativos e também a HPGO – High Performance Green Office, com o propósito de desenvolver ambientes de trabalho corporativos de alta produtividade.

Em 2008, depois de 2 anos de trabalho, a SustentaX licencia os primeiros produtos sustentáveis com o Selo SustentaX de Garantia de Qualidade e Sustentabilidade para o mercado de construção civil. No mesmo ano, o empreendimento Rochaverá, cujo projeto de sustentabilidade foi desenvolvido pela SustentaX, recebe o Prêmio Prix d'Excellance pela FIABCI como o projeto comercial mais sustentável do mundo.

O Grupo SustentaX, também em 2008, passa a oferecer a seus clientes, por meio da ECSus – Estratégias Corporativas Sustentáveis, uma metodologia pragmática para incorporar o tema sustentabilidade empresarial no planejamento estratégico dos negócios com visões de curto, médio e longo prazo.

Em 2009, o Grupo SustentaX passa a atuar junto à Casa Cor, maior mostra de arquitetura de interiores, decoração e paisagismo das Américas, com o objetivo de tornar o evento referência internacional em sustentabilidade. No mesmo ano, os empreendimentos Rochaverá (Torre B do Complexo), Centro de Distribuição Bomi e Loja Pão-de-Açúcar de Indaiatuba, em São Paulo, recebem os certificados de empreendimentos sustentáveis.

Ainda em 2009, o Grupo SustentaX lança o "Guia SustentaX de Comunicação Responsável com o Consumidor", para orientar as empresas, que conquistaram o Selo SustentaX, a desenvolverem uma comunicação, acima de tudo, ética, responsável e tecnicamente correta com seus públicos de interesse.

Em 2010, o Grupo SustentaX foi reconhecido, pela Revista IstoÉ, como uma das ''50 Empresas do Bem'', que unem sustentabilidade e saúde financeira. No ano do cinquentenário de Brasília, a SustentaX foi contratada para assessorar o governo do Distrito Federal, através da TERRACAP, no estabelecimento dos requisitos de sustentabilidade urbana e de edificações para a criação do novo bairro da capital: o Setor Habitacional Noroeste. No mesmo ano foram certificados os escritórios da Braskem, da Unilever, do GBC Brasil, além da Torre A do Complexo Rochaverá e do Parque Logístico Imigrantes Bracor.

Ainda em 2010, a SustentaX, em parceria com a ITC – Inteligência Empresarial da Construção, criou o Prêmio de Sustentabilidade para reconhecer as construtoras mais sustentáveis do país nos segmentos industrial, comercial, residencial e residencial baixa renda.

Também em 2010, a SustentaX é convidada a integrar as entidades que participam do corpo de jurados do Prêmio Fundação COGE na categoria de Ações de Responsabilidade Ambiental, junto com a ABEPPOLAR, CNDA, FIESP e FIRJAN.

Em 2011, o condomínio CYK, situado na Av. Paulista, conquista a 1ª certificação LEED de Operação e Manutenção, no Brasil, com o projeto de sustentabilidade da SustentaX. No mesmo ano, o escritório do Banco Votorantim e o supermercado do Pão de Açúcar na Vila Clementino também foram certificados pelo critério LEED.

No mesmo ano, a SustentaX cria uma nova metodologia, intitulada Desenvolvimento Integrado de Empreendimentos Sustentáveis (D.I.E.S), com o objetivo de reduzir custos, aumentar a produtividade e mitigar riscos em todas as etapas de projeto, implantação e operação de um empreendimento.

Ainda em 2011, o Selo SustentaX obtém o reconhecimento internacional por sites especializados de referência em rotulagem de produtos: norte-americano (Ecolabelindex.com) e europeu (Brandoscope.com).

No final de 2011, o Grupo SustentaX e a Associação de Compras da Construção Civil no Estado de São Paulo (Compracon) estabeleceram convênio para oferecer aos associados serviços de treinamento e consultoria em aumento de produtividade, redução de custos e sustentabilidade de empreendimentos imobiliários.

No início de 2012, depois de quase três anos de trabalho, o edifício sede da Editora Abril, em São Paulo, recebe certificação em operação e manutenção como "green building". Também são certificados a indústria Mate Leão, do Grupo Coca-Cola, em Curitiba, e a Torre D do Complexo Rochaverá, na cidade de São Paulo. No mesmo ano, foram certificados também a Torre C do Complexo Rochaverá, a Universidade do Hambúrguer do McDonalds, em Alphaville/SP e o estúdio e almoxarifado IJ da Record no Rio de Janeiro. Ainda em 2012, a ECSus iniciou trabalho estratégico de assessoramento junto à APAS – Associação Paulista de Supermercados.

Durante o ano de 2013 O Grupo SustentaX apresentou o projeto "Residência Sustentável", primeira reforma sustentável de um imóvel, envolvendo vários especialistas em diversas áreas de energia, conforto térmico, Feng Shui, acústica, hidráulica, design de interiores, paisagismo dentre outras

Em 2014 é lançado livro que retrata toda o trabalho desenvolvido no projeto "Residência Sustentável" e conquistada a primeira certificação de Operação e Manutenção na América do Sul para a fábrica da Coca-Cola, em Manuas. Neste ano, a INVESTA CAPITAL inicia suas operações em estruturação financeira e captação de recursos para empreendimentos sustentáveis nas áreas imobiliária e de energia.

 





Redes Sociais


+SustentaX

  • Alameda Santos 2223 - 3º Andar
  • CEP: 01419-002 - São Paulo
  • Telefone: 55 11 3062-5031
  • Fax: 55 11 3062-1910

Copyright 2013 - Grupo SustentaX